Vem, ó Pródigo

Anúncios:


1
Ó tu qu’inda vagas no mundo d’horror,
Nas trevas e na escuridão,
Por que não descansas em Cristo, o Senhor,
Que trouxe do céu Salvação.

Ó vem, ó pródigo, ó vem a Jesus;
Parti foi erguido no alto da cruz;
Aceita agora de Deus o favor;
O vem, sem demora a Cristo, o Senhor.

2
O mundo jazia na dura prisão,
Mas Cristo, a porta abriu;
Ó crê na mensagem que dá salvação,
Pois Cristo na cruz te remiu!

3
Que gozo completo terás em Jesus,
Se aceitares o Seu perdão;
Ó deixa o pecado e vem para a luz;
Entrega o teu coração.

Autor ou Tradutor: P.L.M Paulo Leivas Macalão
*** Pode ser que tenha outro co-autor

Anúncios:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *