Arquivo da Categoria: Sua segunda vinda

Noiva de Jesus, Apronta-te


1
A Cristo unida está a minh’alma,
Pois nEle eu tenho meu vero sustento;
Me enche de gozo do céu, e de calma;
Também me ensina os seus mandamentos.

Ó Noiva de Jesus, apronta-te para ir
Para o eterno e santo reinado;
Que divinal amor irás lá, então, fruir
Com Jesus Cristo, o teu amado!

2
Na santa Igreja, com sangue remida,
Já é manifesta em mim Sua glória,
Que por Sua graça me foi concedida,
Na qual abrigado, terei a vitória.

3
Assim eu desejo a Cristo unido,
Seguir o caminho pra bela cidade,
Pois nEle, dos males, sou bem protegido,
Também rodeado de Vera bondade.

Autor ou Tradutor: P.L.M Paulo Leivas Macalão
*** Pode ser que tenha outro co-autor

Quando Jesus Aparecer


1
Quando Jesus aparecer,
Que festa para nós há de ser,
Ao céu de luz iremos ter,
P’ra desfrutar eterno prazer,
Quando ao Seu Pai nos apresentar,
Que alegria no céu haverá;
No trono Seu teremos lugar,
Em nossa fronte coroa porá.

2
Marchai com Deus, sem vos deter,
Em santidade e sem temer;
Se nada mais podeis fazer –
Por crer em Cristo – tendes poder,
Se hoje crerdes… Deus vos dará;
Se fé tiverdes, vós recebereis,
Vida de paz no céu gozará
Todo que crer em Jesus, nosso Rei.

3
Iremos nós, no céu cear
E Jesus Cristo nos servirá;
A Sua grei que quis salvar,
No céu, então, se reunirá.
Qual forte sol, dará resplendor
Ante Jesus, o Senhor eternal!
Oh, que prazer, que sublime amor,
Existirá no lar celestial!

Autor ou Tradutor: P.L.M Paulo Leivas Macalão
*** Pode ser que tenha outro co-autor

Não Tarda Vir Jesus!


1
Ó Jesus, nesta terra,
Há só tristeza e dor;
Os Ímpios fazem guerra
Aos santos do Senhor.

Cristo volta
Em fulgurante luz;
O mar já se revolta,
Não tarda vir Jesus!

2
Do mundo nós não somos,
Mas do Senhor Jesus;
Remidos todos fomos
Com sangue, lá na cruz!

3
No mundo tenebroso
Não vamos descansar,
Mas para o céu, de gozo,
Queremos já voar!

4
Olhamos para cima
Donde virá Jesus;
Pois isto nos anima
Para viver na luz.

Autor ou Tradutor: P.L.M Paulo Leivas Macalão
*** Pode ser que tenha outro co-autor

Nossa Esperança


1
Jesus, sim, vem do céu, em glória Ele vem!
Ecoa a nova pelo mundo além;
Oh esperança que a Sua Igreja tem!
Dai glória a Deus, Jesus em breve vem!

Nossa esperança é Sua vinda
O Rei dos reis vem nos buscar;
Nós aguardamos, Jesus, ainda,
Té a luz da manhã raiar.
Nossa esperança é Sua vinda
O Rei dos reis vem nos buscar;
Nós aguardamos, Jesus, ainda,
Té a luz da manhã raiar.

2
Jesus, sim, vem, os mortos esperando estão;
O gran momento da ressurreição
E do sepulcro em breve se levantarão!
Dai glória a Deus, Jesus em breve vem!

3
Jesus, sim, vem do céu cercado de esplendor,
Aniquilando a corrupção e a dor,
Quebrando os laços do astuto usurpador,
Dai glória a Deus, Jesus em breve vem!

4
Jesus, sim, vem, completamente restaurar
O mundo que se arruína sem parar;
Sim, todas as coisas vem depressa transformar
Dai glória a Deus, Jesus em breve vem!

5
Jesus, sim, vem, e sempiterna adoração
Daremos nós ao Rei de coração;
Ao grande autor da nossa eterna salvação,
Dai glória a Deus, Jesus em breve vem!

Autor ou Tradutor: A.S Almeida Sobrinho
*** Pode ser que tenha outro co-autor

A Vinda de Cristo


1
Subiu triunfante p’ra o céu, o Senhor:
Assim mesmo há de voltar;
“Eis que venho breve”, diz o Salvador,
Quando o alarido ecoar.

Com muita prudência eu quero estar
Esperando por meu Senhor,
E sempre alerta aqui vigiar.
Té que venha o meu Salvador.

2
Com Cristo encontrar-me, gozoso irei.
Quando Ele nas nuvens descer,
Corpo igual ao Seu, nesse dia terei;
Que dia de glória há de ser.

3
Bendizendo a Cristo, no céu entrarei;
Irei no milênio ingressar;
Só com meu Jesus, eu aqui voltarei.
Pois todas nações vem julgar.

4
Vem sobre o Teu povo reinar, ó Senhor!
Teu reinado aqui gozo traz,
Ó vem, proteção nos trazer, Salvador!
Vem, Jesus, com justiça e paz!

5
Vem, Cristo, meu Rei, Tua Esposa buscar;
Eu quero contigo subir;
Um canto perene Te quero entoar,
E a glória eternal fruir.

Autor ou Tradutor: D.L Domingos Lins
*** Pode ser que tenha outro co-autor